Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
» Ajuda com mod para jogar com 2 jogadores
12/10/2016, 10:07 am por angoz090

» mascara do sacerdote do dragao
3/10/2015, 6:45 pm por KARNEviva

» Qual é melhor para guerreiro Imperial ou Redguard?
3/9/2015, 12:35 pm por Red_gamer

» Alguém ajuda. BUG de 2 Lydias em minha conta
25/8/2015, 4:33 pm por allenwalker05

» Duvida- Nexus Mod Manager
1/8/2015, 11:46 pm por Red_gamer

» EAI GALERA
1/8/2015, 11:35 pm por Red_gamer

» Bug brilho muito forte help
31/7/2015, 5:25 pm por eliahdovah

» vampiro ou dawnguard
28/7/2015, 3:21 pm por galdur

» Procura-se Ebony blade
26/7/2015, 10:23 pm por Red_gamer


Wabbajack

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Wabbajack

Mensagem por MrMiller em 5/12/2013, 6:58 pm

Garotos pequenos não deveriam invocar as forças da escuridão eterna, a menos que haja algum adulto supervisando, eu sei, eu sei. Mas aquela tarde ensolarada do quinto dia da Primeira Semeadura, não queria a companhia de um adulto. Queria Hermaeus Mora, o Daedra da sabedoria, do aprendizado, da resina e vernizes.
Um homem bonito, de ombros largos, que vivia de baixo da biblioteca de minha cidade me disse que o quinto dia da Primeira Semeadura era a noite de Hermaeus Mora, e que se eu quisesse o Oghma Infinium, o livro da sabedoria, teria que invocá-lo. Quando você é o novo Rei de Solitude, não deve desperdiçar nenhum tipo de conhecimento.

Normalmente, você precisa de um covil de bruxas ou uma guilda de magos, ou pelo menos almofadas e um jogo de lençóis para invocar o príncipe do Oblivion. O homem que vivia debaixo da biblioteca me ensinou como fazer. Ele me disse para esperar até que a tempestade estivesse no seu auge para poder raspar o gato. Não me lembro como era o resto da cerimônia. Não me importa.

Apareceu alguém e pensei que era Hermaeus Mora. A única suspeita que tive era que, conforme tinha lido, Hermaeus Mora devia ser um monstro grande com garras e vários olhos, e esse cara parecia mais um banqueiro. Além disso, nomeava-se Sheogorath, e não Hermaeus Mora. Bem, eu estava tão contente por ter conseguido invocar Hermaeus Mora, que essas inconsistências não me importaram. Mas algumas coisas não faziam nenhum sentido (suponho que fuja dos limites e compreensão humana) e seu servo me deu uma coisa chamada Wabbajack. Wabbajack. Wabbahack. Wabbajack.

Wabbajack. Wabbajack. Wabbajack.
Wabbajack. Wabbajack. Wabbajack.

Talvez o Wabbajack seja o livro do conhecimento. Talvez seja mais inteligente, porque eu sei que os gatos podem ser morcegos que podem ser ratos que podem ser chapéus que podem ser mosquitos que podem ser cautelosos. E que as portas podem ser javalis que podem ser ronco que podem ser pisos que podem ser esporos que podem ser seu ou meu. Certamente sou inteligente, certamente sou muito bom pois o sistema de interconexão é muito claro pra mim. Então, porque as pessoas continuam me chamando de louco?

Wabbajack. Wabbajack. Wabbajack.

[Livro: Wabbajack]


-Wabbajack é um artefato daédrico de Sheogorath, o Príncipe Daédrico da Loucura. O cajado é capaz de lançar feitiços completamente imprevisíveis, tornando a batalha fácil ou difícil.

-Para iniciar a quest em que se consegue o Wabbajack, você deve ir até a cidade de Solitude e falar com Dervenin, um Bosmer que vaga sobre as ruas da cidade, ele geralmente caminha por perto do colégio dos bardos. Outra alternativa é ir até The Winking Skeever e perguntar a Corpulus Vinius sobre rumores.


avatar
MrMiller
Aedra

Mensagens : 1232
Data de inscrição : 31/08/2012
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum